Project Description

Angiografia Fluorescente

A ANGIOGRAFIA FLUORESCEÍNICA – conhecida também por ANGIOGRAFIA FLUORESCENTE permite estudar a retina, a coroide e os vasos sanguíneos através da injeção de um produto de contraste chamado fluoresceína. Ou seja, enquanto na “retinografia simples” não existe qualquer injeção de contraste, na ANGIOGRAFIA FLUORESCEÍNICA o exame é feito recorrendo à administração de um produto de contraste (fluoresceína). Por isso também é, por vezes, conhecida como RETINOGRAFIA FLUORESCENTE.

  • No exame da ANGIOGRAFIA FLUORESCENTE, o produto de contraste injetado é uma espécie de “corante” que permite efetuar um estudo mais detalhado da retina.
  • O contraste (fluoresceína) é administrado por meio endovenoso (habitualmente, através da punção de uma veia do braço).
  • A fluoresceína é uma molécula não tóxica e muito fluorescente que pode ser utilizada com segurança na larga maioria dos doentes.
  • Por este motivo, este exame é praticamente isento de riscos e de complicações.

Neste exame, com a administração do contraste, é possível estudar o fluxo sanguíneo nos vasos da retina e coróide, registrar detalhes do epitélio pigmentar e da circulação retiniana e avaliar a sua integridade funcional (já que os vasos retinianos normais são impermeáveis à fluoresceína). As imagens retinianas são captadas sequencialmente, logo que o “corante” passe pelos vasos sanguíneos da retina.

Aplicações da Angiografia Fluoresceínica

  • Importante auxiliar de diagnóstico de doenças vasculares da Retina: Retinopatia Diabética, Hipertensão Arterial, Oclusões Arteriais e Tromboses Venosas;
  • Nas situações inflamatórias ou degenerativas da Retina e da Coroideia: Degenerescência Macular Ligada à Idade (DMI) e Distrofias Retinianas;
  • No estudo de tumores oculares e no estudo do nervo óptico, e de outras doenças, primárias ou não, do Globo Ocular.

Como é o exame

  • O exame é indolor;
  • O tempo de duração situa-se entre 15 a 20 minutos;
  • O doente posiciona-se em frente ao equipamento (angiógrafo) e fotografa o fundo do olho com lentes dotadas de elevada resolução;
  • Antes do exame a pupila é dilatada, de modo a que as imagens do fundo do olho sejam captadas pelo equipamento.

Cuidados para Efetuar o Exame

  • Caso o doente use lentes de contato, ele deve retirá-las antes do exame;
  • O doente deve estar acompanhado por algum familiar ou alguém próximo, pois a dilatação da pupila altera a capacidade de visão durante algum tempo.

Marque uma consulta com conosco (41) 3013-1121 ou envie uma mensagem
http://centrodavisao.com.br/contato/